+Bravíssimo assume a ponta da Semana de Vela antes do último dia

Na RGS, o Zeus é o líder e ruma para o título. Competição termina neste sábado

Crédito: Aline Bassi / Balaio de Ideias 

Depois de uma quinta-feira com fortes ventos, correnteza e sem regatas, a sexta-feira apresentou tempo bom e ventos Sul mais fracos , possibilitando a realização de duas regatas no penúltimo dia de disputas da 48ª Semana de Vela de Ilhabela, maior evento da América do Sul, que conta com 81 barcos.

O barco do Iate Clube do Espírito Santo, o +Bravíssimo, emplacou dois segundos lugares e pulou para a liderança geral com 10 pontos perdidos (contando um descarte) faltando apenas um dia para o término da competição: "Tivemos um bom dia hoje com duas regatas vento Sul fraco. Estamos muito felizes que assumimos a liderança do campeonato mesmo sem ganhar nenhuma regata, mas muito felizes pois estamos sabendo nos defender nas regatas de vento fraco onde ficamos em segundo nas três e nas de vento forte ficamos em quarto e quinto. Amanhã provavelmente teremos vento médio na Ponta das Canas, agora é torcer para dar tudo certo e buscarmos esse caneco ", analisou Luciano Secchin, comandante do veleiro capixaba.

Em segundo lugar vem o Xamã, de Ilhabela, com 13 pontos perdidos (contando um descarte). O barco vinha na ponta do campeonato até antes das regatas desta sexta. Logo atrás, com um ponto atrás, está o veleiro de Santos (SP), o Rudá, seguido pelo Phoenix, barco mais moderno do país que estreia nesta competição e nesta sexta venceu a segunda regata, o primeiro triunfo da história do novo veleiro de Eduardo Souza Ramos. O Phytoervas 4Z é o quinto colocado seguido pelo catarinense Catuana Kim, vencedor da primeira regata do dia.

A classe ORC estreia na competição os ToTs customizados. Ou seja, agora cada tipo de regata com determinado ângulo de vento usará o TOT adequado para o resultado final da regata, dando assim o resultado preciso de acordo com a medição de cada veleiro. Os ToTs customizados são uma inicativa da ABVO, a Associação Brasileira de Veleiros de Oceano.

  
Veleiro Zeus / Crédito: Aline Bassi / Balaio de Ideias


Na classe RGS, o Zeus , do Iate Clube Pindá, de Ilhabela , venceu as duas regatas e segue na ponta, perto do título na classe. Gereba, skipper do veleiro, comentou: "Fizemos duas boas regatas hoje, dentro do geral estamos bem, mantendo a média com pontos baixos. Amanhã espero que tenhamos um pouco mais de vento , a expectativa é boa".

No Bico de Proa, o Super Bakkana venceu uma regata e ficou em quarto na outra e é o líder com oito pontos perdidos. Vai disputar o troféu junto com o Bl3 Mangalo que tem 11 pp e o Susso que tem 14. . Na Mini Transat 6.5 a disputa segue apertada com o Bloody Bones e o Jacaré empatados em primeiro lugar com 6 pontos perdidos seguidos de perto pelo Daddy-O com sete.

Entre os Clássicos, o Kameha Meha segue imbatível e com o troféu praticamente nas mãos após mais uma vitória. O Atrevida, barco de 1923, é o segundo colocado. Entre os Multicascos, o Maré XX foi o único a correr nesta sexta.

A Semana de Vela de Ilhabela, evento com chancela da Associação Brasileira de Veleiros de Oceano, termina neste sábado, dia 31, com previsão de mais duas regatas a partir das 12h. A premiação acontece a partir das 20h.

Confira os Resultados finais e o Geral no site do evento - https://www.sivilhabela.com.br/resultados/resultados-presencial/