Kamikaze lidera a XIX Copa Cidade de Porto Alegre de Vela de Oceano

14 barcos da classe ORC disputaram as primeiras regatas no final de semana

Começou no último final de semana as disputas da XIX Copa Cidade de Porto Alegre de Vela de Oceano realizada pelo Clube dos Jangadeiros, na capital gaúcha.

Foram realizadas duas regatas barla-sota no domingo após o dia de sábado ter regatas canceladas por conta do mau tempo. Com muito frio e vento constante, o barco Kamikaze venceu as duas disputas e lidera a frente do Spin e do Delirium. 

Augusto Moreira, comandante do Kamikaze, disse: "Foi a primeira vez que velejamos esse ano, não velejavamos desde outubro do ano passado pelo Troféu Cairú em função da pandemia.  Fomos crus pra raia e isso gerou uma apreensão, tivemos um problema de uma subida de balão, deixando o Spin se aproximar de nós. O desempenho geral da equipe foi bom, tivemos duas boas largadas e facilitou administrar. Foi uma regata bem àtípica. Não costumamos ter regata essa época pelo inverno gaúcho e os ventos inconstantes. No sábado a regata não pôde ser realizada por excesso de chuva e falta de ventos. No domingo tivemos ventos de 12 a 14 nós. Essa semana ficamos com ventos de 30 nós, perto de Zero Grau. São condições difíceis", disse : "Pra última regata está tudo em aberto, não sabemos como estarão as condições , pode vir a favorecer os barcos de planeio, é uma das coisas que observamos, na regata de domingo não favorecia aos barcos de planeio. Nossa flotilha está mais ou menos divididos em barcos de balão simétrico e a chegada de outros barcos como o C-30 e os HPEs que eram cinco na raia, barcos com duas características e estamos a competir na ORC. Os quatro primeiros da súmula foram de balão simétrico. A próxima regata pode ter outras condições e vamos tentar ser conservadores e errar o mínimo possível."

"Estamos muito contentes com a retomada das regatas de oceano em Porto Alegre, a raia estava cheia barcos com belíssimas disputas e largadas com bastante adrenalina. Foi muito bom rever os amigos, principalmente  da nossa tripulaçao. A última vez nos reunimos foi em dezembro  de  2019. Desde então o Spin ficou parado no clube,  senão me engano velejei 1 ou 2 vezes com ele nesse período. Mesmo na ORC, classe que estamos velejando esse ano, conseguimos  manter os mesmos resultados  que vínhamos obtendo na IRC. Agora é  preparar o barco para o Circuito Conesul,  nosso maior evento  da vela oceânica  que se realizará  em setembro próximo, assim esperamos", disse Kadu Bergenthal comandante do Spin.

Catorze barcos da classe ORC, a maior da Vela de Oceano, estiveram na raia e ainda vão disputar, com data a ser marcada, a regata de percurso para finalizar a competição. Participaram veleiros do Jangadeiros, Veleiros do Sul, Iate Clube de São Lourenço, Sava Clube e Iate Clube do Guaíba.

Por todo o Brasil a classe ORC já emitiu 50 certificados.

Confira os Resultados do Acumulado Geral da ORC após duas Regatas:

ORC

1 - Kamikaze XI 2 pontos perdidos

2 - Spin - 5 

3 - Delirium - 9

4 - Victoria - 10

5 - Comodoro - 10

6 - Ximango - 11

7 - Crioula / Angela VI - 12

8 - Ponta Firme - 18

9 - Iron Lady - 19

10 - Bravíssimo 2 - 20

11 - Phoenix - 22

12 - Galo Cinza - 26

13 - O. Zetta - 26

14 - Tempest - 30